A ALCOESTE HISTORICO PRODUTOS PRODUCAO DE  ETANOL SUSTENTABILIDADE PERGUNTAS FREQUENTES VENHA PARA A ALCOESTE NOTÍCIAS CONTATO
 
 

Perguntas mais Frequentes
Fonte: UNICA e Veja

ECONOMIA

1- Qual é o limite máximo da produção de etanol além do qual se pode prejudicar a disponibilidade de terras para outras culturas?
Em tese, há ainda 77 milhões de hectares a ser ocupados no Brasil sem afetar o espaço dedicado a outras culturas. Atualmente, a cana-de-açúcar ocupa 7 milhões de hectares, menos do que a soja (22 milhões) e o milho (13 milhões).

2- Há no Brasil mão-de-obra qualificada para a produção de etanol em larga escala?
Faltam, principalmente, profissionais de nível superior com qualificação específica, como engenheiros. Não há cálculos exatos desse déficit.

3- O Brasil compete em condições de igualdade no mercado internacional de etanol?
O preço do etanol brasileiro é bastante competitivo. É até 50% mais baixo do que o do etanol de milho, o que explica o fato de o Brasil deter hoje 40% da produção mundial de etanol.

4- O Brasil subsidia os produtores de álcool?
Não. Os subsídios foram pesados no passado, na primeira fase do programa do álcool, mas hoje não há nenhum subsídio aos produtores. O que existe é uma tributação diferenciada, que é maior para a gasolina do que para o etanol, por suas qualidades ambientais. A mesma política é adotada para o gás liquefeito de petróleo (GLP) e o diesel.

5- Quando começou a produção a sério de etanol nos Estados Unidos?
Nos últimos três anos, o governo americano passou a dar mais ênfase à produção de etanol, como alternativa à dependência de petróleo e ao aquecimento global.

 
 
 Voltar  Topo  Imprimir
 
   
   
              Desenvolvimento: AgênciaOC